Aprontou de novo, Letícia?

Pin It

Fico eu navegando na internet e acompanho muitas coisas acontecendo aos longos dos anos e muitas coisas sendo ditas, e claro que um assunto recorrente deste tempo é sempre a Letícia Bufoni. Como se chegasse ao ponto de pensar “bora esperar qual vai ser a próxima com ela” - uma hora é namoro, outra hora é dinheiro e até sair em foto pelada já chegou a ser pauta.

Agora a questão é: ela é uma pessoa polêmica ou uma vítima de perseguição? Provavelmente você já leu isto respondendo quase que automaticamente que ela é polêmica. Agora se pergunte se ela realmente faz absurdos ou ela faz coisas polêmicas por se tratar de uma mulher.

Porque a última foi “Letícia Bufoni ostenta carro de 2 milhões”, e a internet foi abaixo, com pessoas até xingando a moça. Agora vamos ver aqui, você sabia que Nyjah Huston tem um carro que usa para ir para a sessão no valor aproximado de R$3,2 mi? Então, ele também postou já este carro, sem contar o outro no valor aproximado de R$4 mi, mas sabe quais foram os comentários sobre isso? Que ele era “chique”, que ele “mandou bem”, coisas do tipo “aí sim!”, e por causa disto eu fiquei curioso.

Tudo que a Letícia faz ganha os holofotes, mas diferente do Nyjah, ela é sempre crucificada e isso serve para absolutamente tudo o que ela faz. Quando ela anda na pista em sua casa é porque é a pista que ela fez para andar com os playboys. Se ela está curtindo com os amigos é porque ela perdeu o foco e agora só pensa em mídia social. Se posa nua é porque quer se vender como um pedaço de carne, diferente dos comentários do Nyjah que são sempre em relação a vibe e o life style dele.

O Nyjah foi usado como exemplo por conta dele ser atual e próximo a basicamente e praticamente tudo o que ela faz. Seriam os equivalentes, mas quando você começa a prestar atenção nas reações, estas então deixam de ter equivalência. Sim, eu sei que o Nyjah e suas atitudes não são unânimes, mas as reações em postagens podem ser bem comparadas desta forma.

Então fica a dúvida, seria um caso de machismo? Ou seria o caso da Letícia simplesmente ter mais haters? Pessoalmente, partindo do princípio de união, respeito e liberdade, eu comemoro as conquistas da Letícia desde sempre, porque para uma menina da Zona Leste de São Paulo ganhar o mundo em cima de um skate ao ponto de fazer uma empresa que não faz propagandas fazer um anúncio com ela, é porque essa menina é “pica pra carai”! E lembrando que não é errado errar, o errado é errar sabendo que está fazendo errado e continuar errando. #eusouskatista

Ps.: Para este texto não foi levado em conta a treta dela com o Kelvin, pois isso é um problema pessoal entre os dois.


Marcelo Sanzoni 

Skatista, com o trabalho em mídia no Canal Eu Sou Skatista desde 2016, militante do skate e sempre focado em divulgar a cultura e a essência do skate, transmitindo pelo menos duas lives por semana no Instagram a mais de um ano e dando voz a lendas, skatistas do dia a dia e fomentadores do skate, aquele que já entrevistou do menino do bairro até Sergio Negão e Tony Hawk, sempre por amor ao skate!.